Voltei para cá:

 

http://andorinea.blogspot.com.br/

 

1) Porque Adsense ajuda na vida

2) Para ter mais liberdade de edição do layout/html/css sem tanto ônu$

Tá tudo bagunçado e capenga ali, mas arrumarei.

Anúncios

Web
Diretor: Matthew Vaughn

Não sei porque diabos me enrolei tanto com esse desenho (na real sei preguiça, mas enfim).

Eu realmente curto filmes de super heróis, até curto mais do que eu pensava, já que apesar da admiração declarada ao gênero eu não costumo ler muitas HQs do tipo. My bad. De qualquer maneira, Kick-Ass não é um filme absurdo, do tipo que chega a empolgar como Avengers, Thor, Iron Man, etc, mas tem uma proposta legal e alguns personagens que se destacam bastante, mais até que o próprio protagonista, como é o caso da Hit Girl. Parece que a sequência do filme tá pra ser lançada, então esperemosssszzz

E AINDA, comecei a me aventurar em alguns gifs, ainda mais que hoje é tão fácil de ser fazer pelo próprio Photoshop (o que realmente não é uma função tão nova assim dele). Lembro que uns dez anos atrás usava o falecido Image Ready pra criar aqueles gifs que eram uns botõeszinhos 8 bit com nomes, hehe ~nostalgia~

Gif das camadinhas

FIREEEEEEE

DSC00856

DSC00857 DSC00858 DSC00859 Depois de anos (LITERALMENTE) enrolando terminei o desenho "dos pontinhos". O de cima, do cenário, é só um bônus de um outro desenho que achei no meio das minhas coisas. Isso é mais um lembrete pra mim mesma de que eu tenho que desenhar mais e reclamar menos... Mais treino, mais treino.

Web

 

Chorei feito uma criancinha no season finale dessa temporada, mas mais porque eu choro com qualquer coisa (true story). A Peggy sempre foi uma das minhas personagens favoritas, se não A personagem favorita, e é legal acompanhar ao longo da série a EVOLUÇÃ dela, ainda que com muitos tropeços e basicamente falta de sorte (e de decisões) em muitos os casos. Enfim, no further spoilers.

Web

Tem climinha anos 60, tem Françoise Hardy na trilha, tem ~romance~, tem crianças em uma peça infantil de fantasias e tudo mais, tem aquele esquema de cores bem filme-do-Wes-Anderson que eu adoro. E tem o Edward Norton e o Bruce Willis em papéis que eu não imaginaria e o Bill Murray em um papel que já imaginava. Eu gostei.